sexta-feira, 21 de novembro de 2008

CONTOS DE FADAS

Albert Einstein escreveu: "Se quiser que seus filhos sejam brilhantes,leia Contos de Fadas para eles. Se quiser que seus filhos sejam mais brilhantes, leia ainda mais contos de Fadas".

O Mito é a mais antiga forma da narrativa, segundo Campbell, podendo tocar e inspirar nossos mais profundos centros criativos, levando-nos a uma compreensão de nós mesmos e do mundo. Campbell ainda escreve que a eficácia do mito pode estar "no mais despretensioso conto de fadas (Conto de Tradição Oral), da mesma forma como em uma gota de água está verdadeiramente presente todo o mistério e sabor do oceano".

Para Mircea Eliade, assim como Campbell,os aspectos simbólicos do mito exercitam no homem a compreensão de como a vida se desenrola e que o contato do homem com o divino é possível.Esses autores nos ensinam que as primeiras formas de narrativas têm sua origem nos mitos.

As pessoas sempre contaram e ouviram histórias, encontrando, assim, significado e sentido para o que acontecia a si,ao seu povo e no mundo.

Uma pequena introdução para a excelência contida nos Contos de Fadas, nas Fábulas, nos Contos de Tradição Popular, no nosso Folclore.

LEITURAS RECOMENDADAS:

"Contar Histórias", de Alessandra Giordano. ( Editora Artes Médicas)
"Uma idéia toda azul", de Marina Colasanti. (Global Editora)
"Mitologia Grega",Vols.I,II e III. (Editora Vozes)
"Dicionário de Símbolos" , De Jean Chevalier & Alain Gherbrant. (Editora José Olympio)
"O Poder do Mito", Joseph Campbell. Editora Palas Atena.

Um comentário:

  1. Olá, seu blog é muito bom. Eu gostei muito dele.

    Parabéns!

    Um abraço

    ResponderExcluir